• Jornal Barcarena

Professor barcarenense lança livro escrito durante a pandemia


Cosmy da Cruz, de 23 anos, morador de Itupanema, lançou um livro denominado “Uma vida, um amor – É mesmo um belo mundo”. Aproveitando o isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus, o professor de biologia deu vida à sua primeira produção.


O sonho de escrever um livro surgiu no início da juventude. Seus gêneros favoritos, fantasia e romance. “A vontade de escrever um livro surgiu em meu coração em meus 18 anos. Foi nessa mesma época que a literatura entrou em minha vida, com livros sobre mundos fantásticos e incríveis histórias de amor”, explica.


Cosmy sentiu vontade de contar sua própria história, mas, segundo ele, não havia uma história fantástica para contar, até que na escola, ele viu várias que poderiam ser mostradas pra sociedade.


“Foi então que em meu período de estágio, na escola Presidente Dutra, como professor auxiliar de Biologia, eu conheci incríveis alunos que possuíam histórias de vida fantásticas e foi através de suas sigilosas confissões que 'Uma vida, um amor' surgiu ao mundo", disse.


O livro "Uma vida, um amor" tenta apresentar temas sociais como ansiedade, depressão, violência sexual, drogas, bullying, religião, sexualidade, assédio e mais uma porção de problemas que assolam a juventude.


“Este livro então consolida uma porção de experiências distorcidas de alunos de Barcarena, assim como as minhas próprias vivencias dramatizadas”, explicou o professor.


O que para muitos trouxe tormento, aflições e dor, a pandemia e o isolamento social ofereceram a Cosmy a possibilidade de externar sentimentos através da literatura. “O roteiro da história, o desenvolvimento dos personagens, me custou proximamente dois anos para ser finalizado. Foram os anos de 2018 e 2019”.


“Após a conclusão da faculdade, e devido a pandemia, eu acabei adquirindo tempo para me dedicar ao meu livro. De fevereiro a novembro eu estive escrevendo diariamente através do isolamento social”, destacou.


O sentimento é indescritível ao ver o livro pronto, avalia o escritor. “Escrever um livro é como convertermos nós mesmos em palavras; nós nos eternizamos em um objeto que para sempre estará ao alcance do mundo, influenciando na vida das pessoas. Se hoje alguém me pedisse um conselho eu diria; escreva um livro, meu amigo. Talvez esse realmente seja o único jeito de vivermos para sempre”.


O livro tem 398 páginas e pode ser adquirido através dos sites da Amazon, Americanas, Estante Virtual e Clube dos autores, basta você clicar no nome de cada uma dessas empresas.

779 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo