• Jornal Barcarena

Mais de 200 jovens ingressam no programa de aprendizes da Alunorte e Albras


Foto: Ascom Hydro

Neste mês de outubro, 202 jovens assinaram seus contratos de aprendizagem e iniciaram suas atividades na Alunorte e a Albras, localizadas no município de Barcarena.


Eles participam do programa Jovem Talento 2020, que oferece a primeira oportunidade no mercado de trabalho e aprendizado para este público da região.



Nele, são oferecidas formação profissionalizante externa, em conjunto com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e formação interna nas empresas.


Atualmente, em virtude da pandemia da Covid-19, toda a parte teórica está sendo ministrada em formato online.


A oportunidade de trabalhar na indústria e os benefícios ofertados pelas empresas atraíram Laryssa Queiroz, 19 anos. Ela viu na seleção do Jovem Talento a chance de uma experiência profissional.


“Sempre achei que trabalhar nas empresas da Hydro era uma grande oportunidade aos jovens de Barcarena. A partir do momento que entramos na Albras, conseguimos perceber a importância dela para o município. Eu estou pronta para aprender e já estou gostando das aulas online do Senai”, afirma Laryssa, que é jovem aprendiz na área de Fundição, Expedição e Laboratório.



Rodrigo Gomes, 23 anos, começou a atuar como jovem aprendiz na área de Redução, onde acontece a produção do alumínio primário. Ele tem o ensino médio e fez curso profissionalizante de Informática, mas já vai se inscrever na prova para formação em automação industrial pelo Senai.


“Eu tentei por dois anos entrar como jovem aprendiz na empresa. E não desisti. Meu objetivo é primeiro focar em adquirir mais qualificação na indústria para, após o período de jovem aprendiz, seguir carreira na Albras ou na Alunorte”, comenta.


Programa - O Jovem Talento tem o objetivo de contribuir para a qualificação de jovens das comunidades do entorno das unidades e vem, ao longo dos anos, sendo uma porta de entrada para novos talentos na Companhia.


Dos 202 jovens aprendizes, 150 fazem a aprendizagem na Alunorte e 52 na Albras.


Por Ascom Hydro

1,209 visualizações